Translate

domingo, 28 de setembro de 2008

Meus Pêsames

Nos clipes de hoje, tem alguém não muito vivo ou meio morto na história. No mínimo tem um caixão. Pensei seriamente em colocar o título "Um morto muito louco", mas me contive. Essa é uma das categorias que caberiam mais que 3 clipes ("Not a job" do Elbow, por exemplo, estava na minha listinha também até o momento final, e, apesar dos pesares, "A.D.I.D.A.S" do Korn também... hehehe), mas esses três aqui são mais a minha cara. E não, não há motivo especial para um post sobre mortos. Se bem que eu devia reservá-lo pro dia 02 de novembro...

Radiohead - Pop is Dead


Meu querido Thom... Novamente mais uma vez aparecendo de novo por aqui, e podem esperar o seu retorno, mais cedo ou mais tarde. Basta olhar pra ver que esse clipe é das antigas (1993) e, obviamente, orçamento 10 libras. Detalhe, Pop is Dead fez relativo sucesso antes de Creep estourar, mas na opinião do Ed "it's bollocks". Bollocks ou não, o Thom está morto nesse clipe.


Albert Hammond, Jr. - Back to the 101


Esta alma penada encontrou Jesus! Aleluia irmãos! Adoro esse clipe, além, do Jr. ter carinha de cachorro sem dono. E esse clipe foi que me fez quase colocar o título "Um morto muito louco" hehehheh E eu não sabia, mas a música tem participação do Sean Lennon! Outro queridinho...


Oasis - The importance of being idle


Música baseada no título de um livro e na preguiça do Noel, clipe baseado numa peça e filme, ou seja, uma coisa não tem nada a ver com a outra, mas o resultado foi esse aí. E com o Rhys Ifans então (esse galês aí que vocês com certeza devem reconhecer pelo menos do papel que ele fez em "Um lugar chamado Notting Hill"), acho uma combinação magavilhosa.


Hummm, alguém tem alguma idéia pra combinar os nomes? Estou com preguiça... hehehhe